Valorização cultural: estátua de Manoel de Barros ganha revitalização e iluminação cênica

Valorização cultural: estátua de Manoel de Barros ganha revitalização e iluminação cênica

A estátua do poeta Manoel de Barros, que fica na área central de Campo Grande, ganhou revitalização e nova iluminação cênica. Os trabalhos já podem ser vistos pela população. Eles foram realizados pelo artista plástico Ique Woitschach.

“Fiz a restauração do pé e dos óculos, além de ter um projeto de iluminação cênica, que vai ficar super iluminado agora, que de certa forma vai até inibir a ação de vândalos. Eu pude trabalhar na estátua e fazer um upgrade artístico, o que me deixou muito feliz”, afirmou o artista plástico.

Ique destacou que usou toda a sua experiência para fazer um trabalho de qualidade. “Agora ele está renascido para mim, tenho certeza que toda a população de Campo Grande terá orgulho, pois é uma alegria para cultura e nossa arte”.

Estátua de Manoel de Barros em Campo Grande (Foto: Daniel Reino/FCMS)

O artista inclusive se reuniu nesta sexta-feira (15) com o governador Eduardo Riedel para falar sobre o trabalho e outras ações culturais. “Falamos destes processos culturais e estou à disposição do Estado, para fazer um trabalho sério voltado par cultura e arte, principalmente aqui no Estado, que é a minha casa”.

O secretário de Turismo, Esporte e Cultura, Marcelo Miranda, destacou que a revitalização da obra era um pedido da população. “Foi um processo que queríamos garantir o restauro total, não só do pé, e queria garantir que fosse feito pelo Ique. Estamos felizes com a entrega e agora vai ter um reforço para dificultar a ação de vândalos, tanto na segurança, como na iluminação cênica”.

Artista Ique Woitschach em conversa com o governador (Foto: Saul Schramm)

O investimento foi de R$ 75,6 mil do Governo do Estado, por meio da Setesc (Secretaria de Estado de Turismo, Esporte e Cultura) e  FCMS (Fundação de Cultura de Mato Grosso do Sul). “Estou muito feliz, pois é uma entrega muito importante para população. Já estamos traçando novos planos, novas homenagens para valorizar nossa cultura e história”, completou Miranda.

Reunião teve a participação de Marcelo Miranda e Eduardo Mendes

A estátua do poeta fica na área central de Campo Grande, no cruzamento da Avenida Afonso Pena com a rua Rui Barbosa. A imagem em bronze concebida em comemoração pelo centenário do artista. Ela tem 1,38 metro de altura e pesando 400kg, em uma estrutura que é a réplica perfeita de Manoel de Barros sentado no canto que mais gostava: o sofá de casa.

Ela foi inaugurada em 19 de dezembro de 2017, dia que foram comemorados os 101 anos de nascimento de Manoel de Barros. No dia 19 de abril de 2021, foi alvo de danos causados por atos de vandalismo.

Leonardo Rocha, Comunicação do Governo de MS
Foto da capa: Daniel Reino