Polícia Civil inaugura a 37ª Sala Lilás do Estado

Polícia Civil inaugura a 37ª Sala Lilás do Estado

Foi inaugurada nesta quinta-feira, 25/04, em Vicentina-MS, a 37ª Sala Lilás. Esta é a segunda inauguração de 2024 e a primeira em que o Delegado Lupérsio Degerone Lucio participa como Delegado-Geral.

Em um espaço totalmente planejado para atender as vítimas diretas e indiretas de crimes ligados à violência contra a mulher, criança e adolescente, o ambiente possui brinquedos, televisão, sofá confortável, além de outros tipos de materiais. Tudo isso para a vítima se sinta acolhida e motivada a denunciar, enquanto seus filhos se distraem, mas sem sair da vista das mães. 

Criada por meio de parceria entre Estado e Município, a sala lilás funcionará dentro da Delegacia de Vicentina, no entanto, o espaço será destinado exclusivamente para este tipo de atendimento. “É um importante colo que a instituição Polícia Civil e Prefeitura Municipal fornecem para as vítimas na medida em que fornece o ambiente humanizado e isso é muito importante para o tratamento e para a reestruturação da vítima”, comentou o delegado titular de Vicentina Bruno Carlos dos Santos. 

Já o Delegado-Geral Lupérsio Degerone Lucio enalteceu o trabalho de acolhimento que tem sido feito a essas vítimas e também desejou bênçãos e sabedoria aos policiais que estarão na linha de frente no atendimento. “É um trabalho feito com serenidade, organização, estrutura e metodologia, para fazer com que a vítima consiga sair desse ciclo de violência”, reforçou.

Além dos já mencionados, estiveram presentes na solenidade: a Delegada Regional de Fátima do Sul – Paula Ribeiro dos Santos; o Secretário Executivo de Segurança Pública do Mato Grosso do Sul – Coronel Wagner Ferreira da Silva,  a Assessora de Projetos – Delegada Christiane Grossi; a Delegada titular da Delegacia de Atendimento à Mulher de Fátima do Sul – Maria Gabriela Vanoni e o prefeito Marcos Benedetti Hermenegildo acompanhado da primeira-dama Sandra Benedetti. Ainda prestigiaram o evento, autoridades civis, militares e eclesiásticas e população em geral. Os alunos do projeto de violão da prefeitura também abrilhantaram a cerimônia com a música Tocando em Frente. 

Até o momento já foram criadas salas lilases nos seguintes municípios: Ribas do Rio Pardo; Rio Negro; Água Clara; Amambai; Caarapó; Bonito; Terenos; Maracaju; Nova Alvorada do Sul; Deodápolis; Glória de Dourados; Costa Rica; Angélica; Ladário; Camapuã; Eldorado; Iguatemi; Bandeirantes; Sonora; Chapadão do Sul; Miranda; Porto Murtinho; Anaurilândia; Anastácio; Paranhos; Selvíria; Sidrolândia; Brasilândia; São Gabriel do Oeste; Ivinhema; Itaporã, Jateí, Batayporã, Guia Lopes da Laguna, Dois irmãos do Buriti e Douradina.

 

Renovação de Termo de Cooperação

 

Ontem, quarta-feira (24), a Polícia Civil reforçou sua parceria com o Estado e o Município de Camapuã em uma iniciativa importante para o combate à violência contra a mulher, criança e adolescente. O acordo visa a disponibilização de escala de sobreaviso de profissionais da assistência social da Prefeitura, com o intuito de fornecer apoio imediato às vítimas de violência doméstica e sexual atendidas nas delegacias.

A renovação deste termo de cooperação representa um esforço conjunto do poder público em minimizar a revitimização das pessoas afetadas por esses crimes. Nos casos mais graves ou de flagrante, o delegado responsável terá a possibilidade de acionar a assistência social municipal, que acompanhará a vítima, evitando a necessidade de repetir seu relato diversas vezes.
Além disso, a parceria entre assistência social e polícia civil abrange diversas formas de apoio, desde o fornecimento de abrigo até orientações sobre reinserção no mercado de trabalho. Este serviço será acionado pelo delegado plantonista sempre que necessário.

Está prevista a renovação de 24 termos de cooperação nos próximos meses, demonstrando um compromisso contínuo com a proteção das vítimas de violência. Hoje (25), aconteceu a renovação do termo de cooperação de Caarapó, fortalecendo ainda mais essa rede de apoio essencial.