Polícia Civil deflagra operação Impuratus em Guia Lopes, cumpre 12 mandados de busca e apreensão e prende 4 pessoas em flagrante

Polícia Civil deflagra operação Impuratus em Guia Lopes, cumpre 12 mandados de busca e apreensão e prende 4 pessoas em flagrante

Na manhã desta quinta-feira, dia 21/03, no município de Guia Lopes da Laguna/MS, a Polícia Civil (PCMS), com apoio da Polícia Rodoviária Federal (PRF), deflagrou a Operação “Impuratus”, com o objetivo de combater o tráfico de drogas na região. Na ocasião, foram cumpridos 12 mandados de busca e apreensão domiciliares e efetuadas quatro prisões em flagrante delito nas residências em que foram cumpridos os mandados.

Um casal foi preso pelo crime de tráfico de drogas, enquanto um homem foi preso por tráfico, associação para o tráfico e corrupção de menores. Além disso, um quarto indivíduo foi preso pelo crime de estupro de vulnerável, por praticar conjunção carnal e outros atos libidinosos com uma menina de 11 anos de idade.

Ainda foram apreendidas balanças de precisão, várias porções de maconha já embaladas e prontas para distribuição e diversos aparelhos telefônicos, os quais serão periciados e cujo conteúdo será devidamente analisado pelos policiais. A Operação “Impuratus” é fruto de intenso trabalho investigativo por parte da Seção de Investigações Gerais (SIG) da Delegacia de Polícia de Guia Lopes da Laguna, a partir do cruzamento de diversos relatórios de informação e apuração do envolvimento de pessoas suspeitas de integrarem a rede de traficância na cidade.

Considerando todo o conjunto fático-probatório, a Autoridade Policial de Guia Lopes da Laguna representou pela expedição dos mandados de busca e apreensão para angariar ainda mais elementos de informação. O pedido contou com parecer favorável do Ministério Público, sendo deferido pelo juízo da 2ª Vara da Comarca de Jardim/MS.

Planejada e realizada pela DP Guia Lopes, a operação envolveu a participação de mais de 50 policiais civis e policiais rodoviários federais, contando com o apoio da DRP Jardim, 1ª DP Jardim, DAM Jardim, DP Bela Vista, DP Bonito, DP Nioaque, bem como a equipe da PRF em Guia Lopes da Laguna e diversos núcleos do Comando de Operações Especializadas (COE-PRF), além do Núcleo de Operações Aéreas (NOA).

Após os atos de polícia judiciária, os investigados foram remetidos ao Presídio Máximo Romero, onde permanecerão à disposição da Justiça.

 

*Editada às 16h02min, para correção. 

Google search engine