Inaugurada 38ª Sala Lilás em Santa Rita do Pardo

Inaugurada 38ª Sala Lilás em Santa Rita do Pardo

Foi inaugurada nesta terça-feira (14), em Santa Rita do Pardo, a 38ª Sala Lilás. Esta é a terceira inauguração de 2024. O espaço foi totalmente planejado para atender as vítimas diretas e indiretas de crimes relacionados à violência contra mulheres, crianças e adolescentes.

A sala conta com brinquedos, televisão, sofá confortável, entre outros materiais, com o objetivo de criar um ambiente acolhedor e motivar as vítimas a denunciar, enquanto seus filhos se distraem sob a supervisão das mães. A Sala Lilás foi criada por meio de uma parceria entre o Estado e o Município e funcionará dentro da Delegacia de Santa Rita do Pardo. No entanto, o espaço será exclusivamente destinado a esse tipo de atendimento.

“Esta sala representa um avanço significativo no apoio às vítimas de violência. Queremos que elas se sintam seguras e encorajadas a buscar ajuda, ” comentou o delegado titular de Santa Rita do Pardo, Lucio Otavio Pereira Marinho.

A solenidade de inauguração contou com a presença de várias autoridades, incluindo o Secretário Executivo de Segurança Pública do Mato Grosso do Sul, Coronel Wagner Ferreira da Silva; a Assessora de Projetos, Delegada Christiane Grossi; o Coordenador do Departamento de Polícia do Interior (DPI), Delegado Rogério Fernando Makert Faria; o Prefeito Municipal Lúcio Roberto e a primeira-dama Dixie Costa. Também participaram autoridades civis, militares, eclesiásticas e a população em geral.

Até o momento, já foram criadas Salas Lilás nos seguintes municípios: Ribas do Rio Pardo; Rio Negro; Água Clara; Amambai; Caarapó; Bonito; Terenos; Maracaju; Nova Alvorada do Sul; Deodápolis; Glória de Dourados; Costa Rica; Angélica; Ladário; Camapuã; Eldorado; Iguatemi; Bandeirantes; Sonora; Chapadão do Sul; Miranda; Porto Murtinho; Anaurilândia; Anastácio; Paranhos; Selvíria; Sidrolândia; Brasilândia; São Gabriel do Oeste; Ivinhema; Itaporã; Jateí; Batayporã; Guia Lopes da Laguna; Dois Irmãos do Buriti; Douradina e Vicentina.