Governo de MS reforça compromisso com a segurança pública e atuação da Polícia Civil no Estado

Governo de MS reforça compromisso com a segurança pública e atuação da Polícia Civil no Estado

O Delegado-Geral da Polícia Civil, Lupérsio Deregone Lucio e Delegado-Geral Adjunto Márcio Custódio, receberam nesta quarta-feira, 29/05, a visita do Governador Eduardo Riedel, acompanhado do Secretário de Estado de Justiça e Segurança Pública – Antonio Carlos Videira e o Secretário de Governo – Rodrigo Perez e o Superintendente de Segurança Pública – Tiago Macedo. Em uma reunião informal, no gabinete da Delegacia-Geral, o governador teve a oportunidade de conhecer os novos diretores dos departamentos da Polícia Civil e ouvir a demanda de cada um.

Além das autoridades já citadas, estiveram presentes na reunião os seguintes diretores: Devair Aparecido Francisco (DIP), Ana Cláudia Medina (DRACCO), Ivan Barreira (DPE), Edilson dos Santos (DPC), Jairo Carlos Mendes (DPI), Rôzeman Geise Rodrigues de Paula (Acadepol), Marcos Takeshita (DRAP), Nilson Fonseca (DGP), Clever José Fantes Esteves (Corregedor-Geral), Wellington de Oliveira (Ouvidor-Geral) e Franciele Candotti, representando a Adepol (Associação dos Delegados de Polícia).

Na oportunidade, Degerone agradeceu ao governador pela visita e pela confiança depositada e reforçou que está empenhado em fazer o que for melhor para garantir segurança para a população sul-mato-grossense.  “Há uma vontade enorme para que dê tudo certo e acredito que com o apoio de todos os diretores, coordenadores e demais servidores, vamos conseguir fazer um bom trabalho em prol da nossa sociedade. “Traçamos várias estratégias para fazermos a instituição crescer, se modernizar e entregar o melhor que temos, que são os serviços disponíveis para a população”, frisou.

Já secretário Videira colocou a Sejusp à disposição e falou da importância de se trabalhar com união e integração, utilizando os recursos e investimentos de forma responsável, priorizando sempre um atendimento humanizado, que segundo ele é um dos principais desafios. “Que possamos levar atendimento também para os mais distantes e desassistidos rincões, onde não há acesso à tecnologia”, comentou, ressaltando que a Sejusp estará sempre apoiando a Segurança Pública em todas as esferas.

Com trabalho voltado ao atendimento à população, a Polícia Civil de Mato Grosso do Sul se destaca como uma das melhores do Brasil, atuando na garantia da segurança pública e no trabalho de investigação criminal.  Mato Grosso do Sul é o estado com maior índice de elucidação de inquéritos no país, com 94,9%. O índice, divulgado no ano passado no estudo da Adepol (Associação dos Delegados de Polícia do Brasil) – realizado com base nos dados do ano de 2022 –, é semelhante à resolução de inquéritos policiais da Suíça que teve taxa de 95%, referente aos anos de 2021 e 2022.

O Governo do Estado acompanha as necessidades da instituição e reforça o compromisso com a segurança pública em todo o Estado. “Foi uma conversa extremamente produtiva com a diretoria que foi nomeada e tem a responsabilidade de conduzir a instituição. É importante ouvir o que cada um tem a dizer, conhecer melhor as estruturas, para poder melhor atender as pessoas. O Estado atingiu um patamar excepcional, mas isso não deve ser motivo de acomodação. Ainda temos muito para fazer. É um desafio gigantesco e o nosso papel é dar as condições para que isso ocorra, para que possamos avançar sempre. Nem diremos o sim, mas sempre haverá o comprometimento, para que no conjunto da obra a gente possa evoluir e andar cada vez mais para frente, fazendo com que o cidadão tenha orgulho de pertencer ao nosso Estado”, completou, Riedel reafirmando o compromisso do Governo com a Polícia Civil.

No ano passado, o Governo do Estado investiu mais de R$ 29,3 milhões na Polícia Civil, em ações para o enfrentamento da violência contra a mulher, redução de mortes violentas intencionais e plano nacional de segurança nas escolas, além de processo de aquisição de equipamentos e viaturas, para a melhoria do trabalho e atendimento à população.

Todo o investimento na Polícia Civil retorna em melhoria da qualidade de vida da população. Nos primeiros quatro meses deste ano, diversos crimes tiveram redução no Estado, os roubos caíram 28,6% e os homicídios registraram queda de 13,6%, ambos em relação ao mesmo período do ano passado.

 

Natalia Yahn, Comunicação Governo de MS

Keila Flores, Comunicação Polícia Civil do MS

Fotos: Saul Schramm e Keila Flores