Adolescente é apreendido pela segunda vez no ano, por agredir e ameaçar familiares em Brasilândia

Polícia Civil indicia mulher por crime de tortura praticado contra uma adolescente, em Brasilândia

Nesta terça-feira (14) a Polícia Civil, por intermédio da delegacia de Brasilândia efetuou a apreensão em flagrante de um adolescente de 17 anos, por ter agredido e ameaçado a avó e a tia, o menor ainda danificou objetos de sua residência. Segundo os relatos, o adolescente é usuário de drogas, agressivo e constantemente agride os familiares.

As vítimas procuraram a delegacia para relatar que teriam sido agredidas fisicamente e ameaçadas de morte pelo infrator, alegando que iria colocar fogo na casa. Ao tomar ciência dos fatos, a equipe policial saiu em diligências.

Durante a sua apreensão o menor resistiu e ainda disse aos policiais que quando saísse iria matá-los. O adolescente fora apreendido em flagrante pela autoridade policial e aguarda audiência, houve representação por internação provisória, caso deferida o infrator poderá ficar até 45 dias custodiado na UNEI, em caso de condenação poderá permanecer na custodia por até 3 anos.